São Paulo sempre foi famosa por ter um calendário noturno, e de festas, movimentado e com as mais variadas opções, agradando do mais despojado ao mais exigente público.

A cena têm passado por diversas mudanças e esse reflexo pode ser percebido em locais segmentados que fecharam suas portas no ano passado (Neu!, Inferno, Matrix e Hangar 110 só para citar). 
 
No entanto, outras casas com vocação de esquenta misturam-se com novas baladas que apostam na democratização musical para sobreviver num meio tão concorrido. E não podemos esquecer de outros lugares que sobrevivem ao teste do tempo, se reciclando a cada ano.
 
Separamos uma lista de locais novos, outros nem tanto, para você fazer seu esquenta e depois cair madrugada adentro. Tem música eletrônica, pop, brasilidades, jazz, trilhas sonoras e rock no cardápio abaixo. 
 
Obs: Sempre olhem as fanpages das casas, pois algumas das opções não tem dia e hora certa para funcionar. Assim você não mia o seu rolê.
 
 
O boteco japa localizado na Praça Carlos Gomes chama a atenção por sua decoração repleta de imagens de cultura rocker e toys. No cardápio, diversos itens que misturam culinária oriental com a brazuca. Peçam a Feijoada Japonesa e o Bloody Mary Japonês. Diariamente são passados por lá seriados japoneses como Jaspion, Ultraman e Jiraya. O fundo musical vai de garimpos do garage punk ao indie rock noventista. Banzai!
 
Praça Carlos Gomes, 61A
izakayada68@gmail.com
 

(Foto: Coiso)

Espaço Zebra
 
Marcenaria, loja, bar e galeria de arte. O Espaço Zebra chega com sua identidade multifuncional e abre de sexta e sábado, oferecendo happy hours voltados ao povo das artes com performances e projeções. Noite também é cultura.
 
Rua Major Diogo, 237
antifonia@gmail.com
(11) 3105-5171
www.facebook.com/espacozebra
 

(Foto: reprodução)

Hotel Bar
 
A antiga loja de camisetas deu espaço para o agitado gastrobar da Matias Aires. Segundas, quartas e sextas tem promoções de cervejas e drinks (como o mojito), às quintas e sábados acontecem shows no fundo do bar, que vão de artistas independentes conceituais a bandas de hardcore.
 
Rua Matias Aires, 78
hoteltees@gmail.com
(11) 30814426
www.facebook.com/hotelbarsp
 

(Foto: Rogério Salles)

Patuá Discos
 
A loja de vinis da Vila Madalena tem a proposta de atender de forma criativa os amantes de Lps e compactos raros. MPB, grooves brasucas, jazz, soul, funk, r&b, rock, reggae afro & latin beats estão entre os gêneros tocados e garimpados. Servem cervejas e hamburgers no happy hour.
 
Rua Fidalga, 516
patuadiscos@patuadiscos.com.br
(11) 23061647
www.facebook.com/patuadiscos
 

(Foto: reprodução)

Mirante Nove de Julho
 
Espaço multicultural com música, artes, cinema ao ar livre, shows, Djs, comidinhas, drinks e cafés. A escadaria do mirante sempre está animada e une hipsters às famílias que transitam pela paulista e proximidades. É só chegar e admirar a vista.
 
Rua Carlos Comenale, sem número
(11) 31116342
www.facebook.com/mirante9dejulho


(Foto: reprodução)

O Sobrado
 
Com preços honestos e uma carta eficiente de chopes artesanais combinado ao cardápio da chef Raquel Braga, o“pubteco”localizado próximo ao Allianz Parque abriga festas que vão de ritmos latinos a trilhas sonoras. É pet friendly e você pode passar com seu dog para tomar uma após um dia corrido.
 
Rua Caraíbas.79
contato@osobradobar.com.br
www.facebook.com/osobradobar
 

(Foto: Paula Dias)

Casa Barbosa
 
Casa tombada pelo patrimônio histórico virou boteco brasileiro acompanhado de caipirinhas, porções, cervejas artesanais, samba de raiz, jazz, blues, soul funk e vitrola. Uma experiência vintage em meio a um dos bairros mais célebres da paulicéia.
 
Rua Rui Barbosa, 559
contatocasabarbosa@gmail.com
www.facebook.com/barbosabixiga
 

(Foto: reprodução)

A Balsa
 
Um ponto de encontro sem horário fixo; assim é o espaço localizado no coração da velha São Paulo que abriga eventos que vão desde palestras e bazares a festas de black music e salsa. Tem uma decoração e terraço caprichados e tem atraído artistas e curiosos por novidades fora do mainstream. 
 
Rua Capitão Salomão, 26, 4º andar + terraço
contatobalsa@gmail.com
www.facebook.com/balsa26
 

(Foto: reprodução)

Breve

Se você gosta de shows e não é chegado no mainstream, o Breve vai ganhar seu coração. O clube conta em seu staff com ex-sócios da saudosa Neu Club e membros do selo Balaclava Records. Nomes expressivos da cena independente se apresentam por lá sem distinção de estilos. Folk, Hip Hop, Indie e artistas internacionais como Yuck,Tops, Noga Erez e Shabazz Palaces já passaram por lá.
 
Rua Clélia, 470
www.facebook.com/brevepompeia
 

(Foto: reprodução)

Casa do Mancha
 
O Mancha é um figura e sua casa abriga a nata da vanguarda indie, artistas como Holger, Liniker, Séculos Apaixonados, Bazar Pamplona, Aldo, entre outros. Os melhores drinks da casa tem nomes criativos como tragédia e macauly. Vale pra você que não vive sem um show intimista.
 
Rua Felipe Alcaçova. S/N
contato@casadomancha.com.br
(11) 37967981
www.facebook.com/casadomancha
 

(Foto: Mancha)

Bar de Cima
 
O quarto andar do Chez Oscar vira uma festa de quarta a sábado quando os Djs do Bar de Cima tomam o comando do som com Jazz, Hip Hop, Pop, House e Hits. Vale pedir o Bloody Mary que tem uma receita secreta e o generoso Gin Tônica. O público varia de modernos aos mais arrumadinhos. A entrada é franca na maioria das festas.
 
Rua Oscar Freire, 1128
infos@bardecima.com.br
(11) 30812966
facebook.com/Bar-De-Cima
 

(Foto: reprodução)

Bar do Netão
 
Sim! Netão Is Back! Um dos favoritos dos baladeiros alternativos está ressuscitado no baixo augusta e continua com a promessa de cerveja gelada a preço justo, pistinha, som eclético e café da manhã quando o sol raiar. Haja ferveção.
 
Rua Augusta, 584
biasano@facebook.com
www.facebook.com/BarDoNetao
 

(Foto: reprodução)

 
O bar da região central funciona como esquenta e after. Virou ponto de encontro do povo da montação e conta com projetos de bass music, rock, techno, indie dance e vaporwave. Está aberto quase todos dias da semana e funciona até o último cliente.
 
Consolação, 247, lj 8
lourdes@olourdes.com.br
 

(Foto: reprodução)

 
Cult por vocação, o espaço cultural , quase secreto, da Cardeal Arcoverde atrai curiosos por música eletrônica e experimental. O cultuado coletivo Metanol assina a programação que conta com shows, lives e Dj sets nada óbvios. Destaque para as festas Off (música eletrônica autoral), Vapor (evento audiovisual dedicado ao universo vaporwave) e Sinos (música global periférica).
 
Cardeal Arcoverde, 2096
s.anonima01@gmail.com
 

(Foto: reprodução)

 
O espaço cultural no bairro da Luz que ocupa um casarão do final de 1800 tem diversos ambientes, como sala de yoga, ateliês de arte, cinema, sala de teatro, salas de ensaios, galeria, sexshop, estúdio de música, salão de eventos, bar, café e exposições artísticas. Abriga festas de hip hop, bass music, eletrônica e indie rock.
 
Rua Mauá, 512
(11) 33267274
centroculturalcasadaluz@gmail.com
 

(Foto: I Hate Flash)

Igrejinha
 
Um aconchegante sobrado abriga o bar/café/clubinho voltado ao público lgbt que tem todas às quintas o consagrado projeto Igrejinha, focado em house, acid e nu disco. A festa comandada pelo DJ Mark Rocha é a missa dos houseros e nomes expressivos da e-music dão as caras para animar a pistinha. Amém.
 
Rua Fernando de Albuquerque 302
contato@igrejinhabar.com.br
(11) 27698794
www.facebook.com/barigrejinha
 

(Foto: reprodução)

Jerome
 
O clubinho tem ar elegante e já é queridinho de fashionistas e clubbers da nova e velha guarda, com noites que apostam em nomes clássicos da cena club como Mau Mau, Marina Dias, Edu Corelli, Felipe Venâncio e Zé Pedro. 
 
Rua Mato Grosso, 398
www.facebook.com/clubjerome
 

(Foto: reprodução)

Pan Am
 
Localizado na vista mais privilegiada da metrópole, no clássico hotel Maksoud Plaza, o clube inspirado na companhia aérea vintage é uma viagem de primeira classe com uma pista panorâmica e programação que conta com festas de pop, flashback, house, música brasileira e rock. Todos a bordo.
 
Alameda Campinas, 150
(11) 31116330
www.facebook.com/PanamClub
 

(Foto: reprodução)

* Foto de capa: I Hate Flash